TAG | Livros não terminados

Vi esta tag no canal da Patrícia, mas o original é do canal Gunpowder, Fiction & Plot. A ideia é falarmos um pouco sobre os nossos hábitos de leitura, em particular no que se refere a deixar leituras a meio.

1. Deixas livros por ler a meio?
Muito, muito raramente. Isto acontece por dois motivos: em primeiro lugar, tenho por hábito ler um livro até ao final a não ser que me esteja a ser completamente impossível terminá-lo, seja porque não é mesmo para mim ou porque me apanhou na altura errada; depois, porque tenho cada vez menos tendência a pegar em livros que me possam desagradar.

2. Contas como uma leitura um livro que deixas a meio?
Sou capaz de contar as páginas lidas no meu registo pessoal, mas nunca conto esse livro para o meu total de livros lidos no ano. Também não classifico livros que não terminei, porque não acho justo avaliar uma obra que não li na sua totalidade.

3. Há uma diferença entre um livro que deixas a meio e uma leitura que interrompes, mas que pretendes retomar?
Sim, claro. A diferença é a intenção de o terminar. Há uns anos, comecei a ler Se numa Noite de inverno um Viajante, de Italo Calvino e li mais ou menos até à página 100. Na altura, decidi interromper a leitura porque senti que não estava a apreender o seu conteúdo da melhor forma e, provavelmente, poderia fazê-lo no futuro. Voltei a colocá-lo na estante e conto pegar-lhe um destes dias. Outros livros que li até cerca da página 100 foi Deuses Americanos ou Bons Augúrios e decidi abandonar porque achei que não eram a minha praia. Decidi fazer um passatempo com eles aqui no blogue e encontrar para eles uma nova casa onde poderiam fazer um outro leitor mais feliz.

4. Um livro popular de que desististe a meio.
Deuses Americanos, de Neil Gaiman. Até teve uma série televisiva e tudo. Há muitos, muitos leitores a adorar este livro e a tê-lo como um dos seus preferidos. Tentei, mas não é mesmo para mim.

5. Um livro que devias ter deixado a meio e não o fizeste.
Quando Lisboa Tremeu, de Domingos Amaral. Foi mau demais.

6. Voltas a tentar ler um livro de que desististe?
Depende do motivo pelo qual desisti. Como disse acima, se o motivo foi achar que o tentei ler na altura errada, terei todo o gosto em voltar a pegar-lhe e tentar de novo.

7. O que fazes aos livros que desististe de ler?
Por vezes, sorteio-os entre os leitores e seguidores do blogue, mas o mais certo é doá-los à biblioteca da zona ou dá-los a amigos leitores que acho que poderão gostar mais do que eu.

8. Escolhes os livros que lês de modo a não deixares muitos livros a meio?
Não o faço de forma consciente, mas acho que com o passar do tempo todos os leitores têm tendência a filtrar as suas leituras e a ficar cada vez melhores a selecionar os livros que mais se adequam aos seus gostos literários. Uma das consequências disto é, obviamente, a redução das leituras que são um tiro ao lado e que poderão não ser finalizadas.

mae-billboard

Sobre Célia

Tenho 38 anos e adoro ler desde que me conheço. O blogue Estante de Livros foi criado em Julho de 2007, e nasceu da minha vontade de partilhar as opiniões sobre o que ia lendo. Gosto de ler muitos géneros diferentes. Alguns dos favoritos são fantasia, romances históricos, policiais/thrillers e não-ficção.