Home / Novidades / Novidade Porto Editora | Chuva Miúda, de Luis Landero

Novidade Porto Editora | Chuva Miúda, de Luis Landero

Título: Chuva Miúda
Autor: Luis Landero
Pág.: 240
Data de Lançamento: 13.02.2020
Comprar: Wook | Bertrand (links afiliados)

Os segredos e rancores de família são como «enxurradas que inundam e destroem tudo à sua passagem». Disso nos fala este Chuva Miúda, cuja história nos prova que um único acontecimento pode ter múltiplas memórias, consoante os sonhos e as frustrações dos seus intervenientes. Neste livro, Luis Landero prende-nos numa teia de confissões – as personagens desabafam entre si, mas também com o leitor – entreabrindo lentamente as portas por detrás das quais se escondem escândalos íntimos e familiares. A história abarca seis dias de ação, dominados por descarados jogos psicológicos que nos fazem perceber que «as narrativas nunca são inocentes, não inteiramente, e não é verdade que as palavras sejam assim tão facilmente levadas pelo vento». Uma comédia de enganos que se adensa a cada página até ao mais tenebroso dos dramas. 

Sinopse: Gabriel decide celebrar o octogésimo aniversário da mãe e, para isso, terá de contactar as duas irmãs a fim de reunir a família para a feliz ocasião. Todavia, estes telefonemas entre irmãos despertam rancores antigos, relembram erros do passado e põem em confronto diferentes visões do mesmo episódio. Aurora, a discreta mulher de Gabriel, é a confidente pela qual passam todas as histórias que durante anos estiveram guardadas no mais fundo de cada uma das personagens.

Sobre o autor: Nasceu em Badajoz, em 1948. Licenciado em Filologia Hispânica pela Universidad Complutense, lecionou Literatura na Escuela de Arte Dramática de Madrid e foi professor convidado em Yale. Estreou-se na literatura em 1989, com o romance Jogos da Idade Tardia (Prémio da Crítica e Prémio Nacional de Narrativa 1990), a que se seguiram inúmeros títulos, entre eles Hoy, Júpiter (XV Prémio Arcebispo Juan de San Clemente) e El balcón en invierno (Prémio Libro del Año del Gremio de Libreros de Madrid e Prémio Dulce Chacón 2015). Traduzido para várias línguas, é considerado um dos nomes essenciais da literatura espanhola.


Sobre Célia

Tenho 37 anos e adoro ler desde que me conheço. O blogue Estante de Livros foi criado em Julho de 2007, e nasceu da minha vontade de partilhar as opiniões sobre o que ia lendo. Gosto de ler muitos géneros diferentes. Alguns dos favoritos são fantasia, romances históricos, policiais/thrillers e não-ficção.