Home / Novidades / Novidade Livros do Brasil | A Quadrilha de Rubber, de Rex Stout

Novidade Livros do Brasil | A Quadrilha de Rubber, de Rex Stout

Título: A Quadrilha de Rubber
Autor: Rex Stout
Pág.: 272
Data de Lançamento: 01.02.2018
Comprar aqui (link afiliado)

A Quadrilha de Rubber, terceira aventura da dupla Wolfe/Goodwin, escrita em 1936, é Rex Stout no seu melhor e é publicada pela Livros do Brasil a 1 de fevereiro, na coleção Vampiro. Archie Goodwin, parceiro de Nero Wolfe e homem de ação, volta a ser o narrador bem- humorado desta história de ritmo veloz, onde a perspicácia do ocioso detetive amante de cerveja e de orquídeas confirma a sua superioridade, mesmo que desta vez isso quase lhe cause a morte. Tudo começa quando a jovem Clara Fox é acusada de um roubo avultado dentro da empresa em que trabalha, a multimilionária Seaboard Products Corporation, mas o seu presidente não está convencido de que seja ela a culpada. Horas depois de Nero Wolfe receber o pedido para investigar este caso, uma outra visita bate-lhe à porta e solicita os seus serviços para resolver uma demanda nascida há mais de quatro décadas: um grupo de aventureiros resgatara um rapaz inglês nos tempos do Velho Oeste aceitando como pagamento um documento em que aquele se comprometia a entregar metade da fortuna da família, logo que a herdasse. E assim que se conhece a líder do grupo que agora reclama o dinheiro, torna- se claro que estes dois mistérios podem muito bem ser apenas um.

Sobre o autor: Rex Stout nasceu a 1 de dezembro de 1886 na cidade americana de Noblesville, Indiana. Após uma breve passagem pela Universidade do Kansas, alista-se na Marinha em 1906 e durante dois anos serve a bordo do iate Mayflower, do Presidente Roosevelt, como subtenente. Em 1916 cria um sistema bancário escolar que seria implementado em mais de quatrocentos estabelecimentos de ensino e que lhe garantiu lucros confortáveis, mas em 1927 abandona os negócios e passa a dedicar-se inteiramente à escrita. Publica três romances, que obtiveram críticas favoráveis, mas é com a sua primeira obra policial que alcança o reconhecimento do grande público: Picada Mortal surgiu em 1934 e com ela surgiu a personagem de Nero Wolfe, detetive excêntrico, amante de boa comida e de belas orquídeas, que, juntamente com o jovem assistente Archie Goodwin, viria a protagonizar dezenas de histórias. Em 1959, Rex Stout recebeu a distinção de Grande Mestre pela Mystery Writers of America. Morreu a 27 de outubro de 1975, em Danbury, no Connecticut, cerca de um mês após a publicação do seu último romance, Um Caso Familiar.

Já na coleção Vampiro: 
N.º 1: Os Crimes do Bispo, de S.S. Van Dine 
N.º 2: Vivenda Calamidade, de Ellery Queen 
N.º 3: O Falcão de Malta, de Dashiell Hammett 
N.º 4: O Imenso Adeus, de Raymond Chandler
N.º 5: Picada Mortal, de Rex Stout
N.º 6: O Mistério dos Fósforos Queimados, de Ellery Queen
N.º 7: A Liga dos Homens Assustados, de Rex Stout
N.º 8: A Morte da Canária, de S.S. Van Dine
N.º 9: O Grande Mistério de Bow, de Israel Zangwill
N.º 10: A Dama do Lago, de Raymond Chandler
N.º 11: A Pista do Alfinete Novo, de Edgar Wallace
N.º 12: Colheita Sangrenta, de Dashiell Hammett
N.º 13: O Caso da Quinta Avenida, de Anna Katharine Green
N.º 14: O Caso Benson, de S.S. Van Dine
N.º 15: O Impostor, de E. Phillips Oppenheim
N.º 16: A Chave de Cristal, de Dashiell Hammett
N.º 17: O Crime do Escaravelho, de S.S. Van Dine
N.º 18: O Gato de Diamantes, de Dorothy L. Sayers


Sobre Célia

Tenho 37 anos e adoro ler desde que me conheço. O blogue Estante de Livros foi criado em Julho de 2007, e nasceu da minha vontade de partilhar as opiniões sobre o que ia lendo. Gosto de ler muitos géneros diferentes. Alguns dos favoritos são fantasia, romances históricos, policiais/thrillers e não-ficção.