Novidade Companhia das Letras | A Glória e Seu Cortejo de Horrores, de Fernanda Torres

Título: A Glória e Seu Cortejo de Horrores
Autor: Fernanda Torres
Pág.: 360
Data de Lançamento: 16.01.2018
Comprar aqui (link afiliado)

Sinopse: O novo romance de Fernanda Torres, autora do aclamado Fim, acompanha as desventuras de Mário Cardoso, ator de meia-idade caído em desgraça. Amado pelo público graças aos papéis como galã de telenovela, Mário decide reconquistar o prestígio junto da elite intelectual, encenando uma das grandes peças de William Shakespeare. Mas as coisas não correm propriamente como esperava e para a sua versão de Rei Lear nem aplausos do público nem reconhecimento da elite. Apenas bolsos vazios e uma carreira no precipício. Começa então um verdadeiro desfile de horrores, que começa na demência da mãe e termina num beco sem saída. Mistura eletrizante de comédia de erros e retrato do artista, A glória e seu cortejo de horrores é o retrato de toda uma geração: na pele de Mario, vemos a derrocada das ilusões de tantos outros, num mundo cada vez mais rendido às fúteis aparências.
«
São Paulo. A fraqueza me abateu em São Paulo. A empresa de engenharia que apoiou o espetáculo resolveu comemorar os cinquenta anos da fundação convidando os funcionários para a estreia. No foyer, antes da sessão, foi servido ravioli de funghi com creme quatro queijos, acompanhado de vinho tinto da Serra Gaúcha. Depois de passar a sexta no batente, os convivas encheram a pança. Mal subiu a cortina, os primeiros roncos ecoaram. Como as pausas dramáticas amplificavam a sinfonia de Morfeu, passámos a evitá-las ao máximo. Atropelávamos as falas e quanto mais corríamos com o texto, mais arrastada ficava a peça. Foi um suplício lento, moroso, insuportável. Quando as luzes se acenderam para o agradecimento, esperámos pacientes metade de plateia acordar a outra e nos brindar com bocejos e aplausos apáticos.»

Imprensa: «O livro revela um enorme salto conquistado pela autora desde o seu romance de estreia…. Surpreende a cada capítulo com as observações certeiras que marcam a escrita de Fernanda Torres.» Tribuna do Norte 18
«Uma comédia irresistível encenada no palco largo e farsesco da história recente.» Veja
«Lê-la é entrar em contato com uma artista e tanto, cheia de talento e domínio da escrita.» Heloisa Buarque de Hollanda
«A glória e seu cortejo de horrores gruda na mão, no bestunto e no coração da gente, de tal jeito que o único consolo possível, ao chegar à última página, é correr de novo para a primeira e reler o livro todo, como, confesso, eu mesmo acabei fazendo.» Reinaldo Moraes

Sobre a autora: FERNANDA TORRES nasceu no Rio de Janeiro, em 1965. Filha dos actores Fernando Torres e Fernanda Montenegro, estreou-se nos palcos em 1978, com Um Tango Argentino. Desde então, entre peças de teatro, telenovelas e filmes, Fernanda conquistou o mundo artístico com um talento inato e uma versatilidade ímpar. As suas prestações em Os Normais, série de culto no Brasil, e no monólogo A Casa dos Budas Ditosos, de João Ubaldo Ribeiro, marcaram uma geração. Recebeu vários prémios para melhor actriz ao longo dos anos, entre os quais o do Festival de Cannes. Além de actriz, Fernanda Torres é também colunista na Folha de S. Paulo, na Veja Rio e na revista literária piauí. O livro Fim assinala a sua estreia literária.

mae-billboard

Sobre Célia

Tenho 38 anos e adoro ler desde que me conheço. O blogue Estante de Livros foi criado em Julho de 2007, e nasceu da minha vontade de partilhar as opiniões sobre o que ia lendo. Gosto de ler muitos géneros diferentes. Alguns dos favoritos são fantasia, romances históricos, policiais/thrillers e não-ficção.