Home / Novidades / Novidade Sextante | Veracruz, de Olivier Rolin

Novidade Sextante | Veracruz, de Olivier Rolin

VeracruzTítulo: Veracruz
Autor: Olivier Rolin
Pág.: 96
Data de Lançamento: 26.10.2017

A Sextante Editora publica a 26 de outubro o novo romance de Olivier Rolin, Veracruz, uma história de amor percorrida por uma das temáticas clássicas dos livros de mistério policial: o desaparecimento da mulher amada. Paralelamente, surge um enigmático manuscrito, narrando uma intriga que aparenta ter ligações com essa mulher desaparecida. Contada sob quatro perspetivas diferentes, esta é uma extraordinária narrativa de violência, tráfico, sexo e morte que nos interroga sem cessar sobre a verdade e a literatura. E é essa história dentro da história é o corpo central da elegia de amor perdido que é Veracruz.

Sinopse: Olivier Rolin narra aqui uma misteriosa história de amor que tem como pano de fundo imaginado a cidade mexicana de Veracruz: um estrangeiro chegado a Veracruz, para dar conferências sobre Proust na Universidade, encontra uma cantora cubana por quem se apaixona. Poucos dias depois, ela desaparece e ele recebe no hotel um manuscrito. Nesse manuscrito, quatro vozes contam quatro versões de uma mesma história de violência, sexo e morte. Sem saber o que pensar, o homem espera sem fim. Muitos anos depois, do outro lado do mundo, ansiando por uma paz que não chega, esse homem escreve essa história.

Sobre o autor: Nasceu em França, a 17 de maio de 1947, e passou parte da sua infância em África. Deu-se a conhecer com o romance Phénomène futur (1983), sendo hoje um dos nomes mais respeitados do panorama literário francês. Em Portugal estão traduzidos os seus romances O bar da ressaca, A invenção do mundo, Porto-Sudão (Prémio Femina 1994), O cerco de Cartum, Tigre de papel (Prémio France Culture 2003 e finalista do Prémio Goncourt), Suite no Hotel Crystal, o relato de viagem O meu chapéu cinzento e o ensaio Paisagens originais. Olivier Rolin escreve também reportagens para vários jornais e é atualmente editor. Um caçador de leões, publicado pela Sextante em 2009, foi finalista dos Prémios Goncourt e Renaudot no ano anterior. A Sextante publicou também Baku, últimos dias e O meteorologista.


Sobre Célia

Tenho 37 anos e adoro ler desde que me conheço. O blogue Estante de Livros foi criado em Julho de 2007, e nasceu da minha vontade de partilhar as opiniões sobre o que ia lendo. Gosto de ler muitos géneros diferentes. Alguns dos favoritos são fantasia, romances históricos, policiais/thrillers e não-ficção.