Home / Novidades / Novidade Porto Editora | Um lugar chamado Angola, de Karla Suárez

Novidade Porto Editora | Um lugar chamado Angola, de Karla Suárez

AngolaTítulo: Um lugar chamado Angola
Autor: Karla Suárez
Pág.: 232
Data de Lançamento: 09.02.2017

Karla Suárez tem um novo livro: Um lugar chamado Angola, que a Porto Editora publica a 9 de fevereiro, é o primeiro romance que narra o impacto que a participação de Cuba na guerra em Angola teve nos cubanos nascidos sob o signo da Revolução. Numa história que passa pelos dois países, mas também por Portugal, Karla Suárez faz o retrato de uma geração que, sob o peso constante de uma versão heroica da História, teve de encontrar os seus próprios sonhos entre os silêncios, as mentiras e os ideais de seus antepassados, num per- curso difícil rumo à liberdade individual. E com ironia e lucidez, a escritora cubana fala de memória, luto, guerra e paixões.

Karla Suárez apresentará o seu mais recente romance no encontro Correntes d’Escritas, na Póvoa de Varzim, que decorre entre os dias 21 e 25 de fevereiro, e posteriormente em Lisboa.

Sinopse: Aos doze anos, Ernesto recebe a notícia de que o pai morreu na guerra em Angola. Obrigado a carregar o fardo de ser o filho de um herói, a sua vida muda para sempre, de tal maneira que, trinta anos mais tarde, ainda não se recuperou. Mesmo tendo deixado Cuba, a história da relação da ilha natal com África persegue-o como uma obsessão. Vem viver para Lisboa e, no momento em que a sua vida sentimental e profissional se desfaz, conhece um conterrâneo, Berto, o «estranho homenzinho» que foi soldado em Angola. Os fantasmas do passado voltam em força e Ernesto decide viajar para Luanda a fim de encerrar, de uma vez por todas, a história que tem marcado a sua existência; todavia, ao tentar reconstruir a morte do pai, percebe que nem tudo se passou tal como ele imaginara e que a guerra é, definitivamente, um monstro capaz de transformar tudo.

Sobre a autora: Karla Suárez (Havana, 1969) publicou em Portugal os romances Havana, Ano Zero (Prix Carbet de la Caraïbe e Grand Prix du Livre Insulaire, em França), A Viajante e Os Rostos do Silêncio (Prémio ao Primeiro Romance, em Espanha). Também é autora de coletâneas de contos e de livros da viagem. Os seus livros estão publicados em diversas línguas. Vários dos seus contos foram adaptados para a televisão e Os Rostos do Silêncio foi adaptado ao teatro em França. Em 2007, foi selecionada entre os 39 mais importantes autores da nova literatura latino-americana. Depois de Roma e Paris, reside atualmente em Lisboa, onde é coordenadora do clube de leitura do Instituto Cervantes de Lisboa, sendo também professora de Escrita Criativa na Escuela de Escritores de Madrid.


Sobre Célia

Tenho 37 anos e adoro ler desde que me conheço. O blogue Estante de Livros foi criado em Julho de 2007, e nasceu da minha vontade de partilhar as opiniões sobre o que ia lendo. Gosto de ler muitos géneros diferentes. Alguns dos favoritos são fantasia, romances históricos, policiais/thrillers e não-ficção.