Home / 5/5 / [Opinião] Harry Potter and the Prisoner of Azkaban, de J.K. Rowling

[Opinião] Harry Potter and the Prisoner of Azkaban, de J.K. Rowling

4256Autor: J.K. Rowling
Ano de Publicação: 1999
Páginas: 435

 

Sinopse: Harry Potter is lucky to reach the age of thirteen, since he has already survived the murderous attacks of the feared Dark Lord on more than one occasion. But his hopes for a quiet term concentrating on Quidditch are dashed when a maniacal mass-murderer escapes from Azkaban, pursued by the soul-sucking Dementors who guard the prison. It’s assumed that Hogwarts is the safest place for Harry to be. But is it a coincidence that he can feel eyes watching him in the dark, and should he be taking Professor Trelawney’s ghoulish predictions seriously?

 

Opinião: Adoro o The Prisoner of Azkaban. É, sem dúvida, o meu livro preferido da série e esta releitura em forma de audiobook permitiu-me confirmar isso, mais uma vez.

 

Este livro representa uma rutura com os dois anteriores em vários aspetos, especialmente a nível de enredo e aparecimento de novas personagens realmente interessantes. O início do 3.º ano de Harry em Hogwarts é marcado pelo fantasma de Sirius Black, um assassino que estava na temível prisão de Azkaban e que fugiu, estando toda a gente convencida que esta fuga põe em perigo a vida do jovem Harry.

 

Entretanto, em Hogwarts, o novo ano traz um novo professor de Defensa contra as Artes Negras (já não me lembro se foi este o nome dado à disciplina na versão portuguesa), Remus Lupin, que é uma personagem fantástica no sentido em que finalmente proporciona a Harry e seus amigos ferramentas úteis para os momentos mais díficeis, para além de ser um apoio importante para a luta de Harry contra os Dementors, os guardas da prisão de Azkaban que procuram Sirius.

 

Depois temos Sirius Black, uma das minhas personagens favoritas destes livros. O seu aparecimento revela a Harry muito do que aconteceu aos seus pais e ajuda-o a perceber melhor quem é, o que penso ter sido um desenvolvimento fundamental da personagem. Adoro o twist final em relação a Sirius, que apesar de já conhecer continua a ser uma delícia recordar. Também não posso esquecer a introdução do conceito das viagens no tempo neste mundo, que ajuda a tornar a parte final do livro ainda mais emocionante.

 

Termino como comecei: adoro este livro. Penso que representa um ponto de viragem na série a todos os níveis, a que nunca me vou cansar de regressar. 

 

Classificação: 5/5 – Adorei


Sobre Célia

Tenho 37 anos e adoro ler desde que me conheço. O blogue Estante de Livros foi criado em Julho de 2007, e nasceu da minha vontade de partilhar as opiniões sobre o que ia lendo. Gosto de ler muitos géneros diferentes. Alguns dos favoritos são fantasia, romances históricos, policiais/thrillers e não-ficção.