Home / 2/5 / [Opinião] O Cavalo e o seu Rapaz, de C.S. Lewis

[Opinião] O Cavalo e o seu Rapaz, de C.S. Lewis

45617Autor: C.S. Lewis
Título Original:
The Horse and his Boy (1954)
Série: Crónicas de Narnia #3 (ordem cronológica)
Editora: Editorial Presença
Páginas: 160
ISBN: 9789722330558
Tradutor: Ana Falcão Bastos

 

Sinopse: Em O Cavalo e o Seu Rapaz, o jovem Xassta descobre que o seu pai adoptivo tem um plano horrendo: vendê-lo a um estranho homem. Triste e perdido, Xassta conhece um cavalo falante que lhe sugere fugirem juntos para Nárnia, o feliz reino onde as montanhas estão cobertas de urze e as dunas de tomilho, terra onde abundam os rios, os vales, as cavernas revestidas de musgos e as florestas profundas onde ressoam os martelos dos anões. «Uma hora de vida em Nárnia é melhor do que mil anos em qualquer outro lugar.» Na viagem enfrentam perigos constantes e conhecem Arávis, uma rapariga que também fugiu do mundo real e os acompanha até ao maravilhoso mundo.

 

Opinião: Li os dois primeiros volumes de “As Crónicas de Narnia” (O Sobrinho do Mágico e O Leão, a Feiticeira e o Guarda-Roupa) e, como expliquei na altura, não fiquei propriamente fã. Não porque se trata de livros juvenis, apesar de isso também não ajudar muito, mas mais porque não me identifiquei com as temáticas e o estilo narrativo. Contudo, como ainda tinha por ler o 3.º volume da série (de acordo com a ordem cronológica e não com a ordem de publicação original), decidi dar mais uma oportunidade à história.

 

Xassta é um rapaz pobre que vive em Calormen, um território a sul de Narnia. Foi criado por um pescador, depois de ter sido por ele encontrado num barco, mas nunca se sentiu em casa e sempre teve curiosidade em saber o que estaria para norte, para lá das montanhas. Quando um visitante chega com o seu cavalo, Xassta descobre que o cavalo fala e é originário de Narnia. Os dois depressa concordam em fugir para esse território, porque nenhum deles é feliz com a vida que tem atualmente. Este livro relata, assim, a viagem de Xassta e do cavalo Bri para norte, bem como todas as suas aventuras, que incluem algumas personagens já conhecidas de livros anteriores.

 

O Cavalo e o seu Rapaz apresenta algumas diferenças significativas em relação aos dois livros anteriores, mais que não seja por ser o primeiro totalmente passado no universo Narnia e que expande a ação para outros territórios. Os temas, esses, continuam com um tom marcadamente católico, com destaque para a providência divina, aqui representada pelo leão Aslan. A nível de enredo, tem os seus pontos de interesse, apesar de alguma previsibilidade. Quanto às personagens, sinceramente não houve nenhuma que me cativasse o suficiente. 

 

Este livro acabou por ser a confirmação que esta série não é para mim, ou pelo menos para mim com 32 anos. Não me identifico com a escrita, os temas ou as personagens. Fico contente, então, por não ter adquirido a série completa.

 

Classificação: 2/5 – OK


Sobre Célia

Tenho 37 anos e adoro ler desde que me conheço. O blogue Estante de Livros foi criado em Julho de 2007, e nasceu da minha vontade de partilhar as opiniões sobre o que ia lendo. Gosto de ler muitos géneros diferentes. Alguns dos favoritos são fantasia, romances históricos, policiais/thrillers e não-ficção.