Home / Blogue / Adaptações para filmes/séries de TV

Adaptações para filmes/séries de TV

Sempre gostei de ver livros que li adaptados ao cinema ou a séries televisivas. Vários deles não tiveram adaptações à altura, por diversos motivos. Outros, mesmo com algumas diferenças que poderiam chatear os fãs mais puristas dos livros, acabam por ter excelentes versões das suas histórias. De uma ou outra forma, ninguém pode negar a relação próxima que existe entre as histórias publicadas em livro e as histórias que vão aparecendo pelo cinema/TV e muito menos que numa boa parte dos casos a adaptação aumenta as vendas dos livros. Os exemplos são mais que muitos. Em Portugal, não é raro ver recapagens de livros que já tinham sido publicados e que quando são adaptados adotam imagens que remetem para essa mesma adaptação – há quem odeie isto, a mim sinceramente não me faz diferença (a não ser que isso aconteça a meio de uma série e “estrague” o design ou a consistência das edições). Outras vezes, quando um filme adaptado tem relativo sucesso, não demora muito a que o respetivo livro saia por cá. Alguns dos meus livros favoritos, li-os porque foram adaptados ao cinema (ou, pelo menos, não os teria lido quando li): lembro-me de repente de O Senhor dos Anéis ou de Expiação.

 

Isto vem tudo a propósito de uma troca de ideias com a Filipa no outro dia, quando falámos sobre a série de tv que adapta As Crónicas de Gelo e Fogo, de George R.R. Martin. Fiquei em êxtase quando soube que os livros que tanto adorava iam passar para a televisão, segui atentamente todas as notícias, castings… cheguei mesmo a ficar acordada para ver episódios em direto. Esse entusiasmo deu origem a um blogue, que alimentei frequentemente durante as duas primeiras temporadas, mas que no ano passado decidi pôr em hiato indefinido porque não tinha cabeça para isso mas, acima de tudo, porque perdi o entusiasmo com a série. Da terceira temporada que estreou este ano, vi apenas metade dos episódios e a vontade de ver os restantes é pouca ou nenhuma. Então, o que se passou afinal?

 

O que se passou foi que depois da primeira temporada ter sido transmitida, em 2011, saiu o A Dance With Dragons. Que eu li e gostei, mas que ainda assim ficou bastante aquém das expectativas. O livro estava para ser publicado há anos, continha o regresso de várias personagens preferidas dos fãs (Tyrion, Jon, Dany), e vinha na senda do sucesso retumbante da série televisiva. Foi e continua a ser um sucesso de vendas. Na altura dei 4 estrelas ao livro, mas dois anos decorridos da leitura não posso definitivamente dizer que “gostei bastante”. Acho que o livro teve momentos muito bons, mas outros que foram uma autêntica seca. Mas o que mais me incomoda foi o não ter conseguido separar o livro da série. Eu adorava quando chegavam os capítulos do Jon Snow, identificava-me com aquela personagem que o autor ajudou a formar na minha cabeça. Mas quando li o A Dance With Dragons, só me lembrava do ator da série, que odeio ver no papel. Isto acontece por vários motivos, que vão desde considerar que é extremamente limitado ao nível da expressividade e da sensação emo que a personagem me transmite, mas também devido às cenas que escreveram para a personagem e que não acho que transmitam, de todo, a força interior que aquela personagem tem. A série estragou o meu Jon Snow, acho que irremediavelmente.

 

tumblr_lmvez2FyaK1qex3too1_400

 (a primeira e a última vez que vou publicar uma foto do Kit Harington aqui, por isso aproveitem)

 

Eu sei que a série é boa, que tem excelentes atores, que tem pessoas a trabalhar nela que se preocupam com a fidelidade ao material original (ainda que tenham liberdade para “inventar” um bocado, e de algumas invenções não gostei mesmo), mas não sei mesmo se vou continuar a ver. Acho que quero esquecer tudo o que vi, reler os livros daqui a uns anos e ficar só com a minha imaginação. E com vocês, já aconteceu algo parecido?


Sobre Célia

Tenho 37 anos e adoro ler desde que me conheço. O blogue Estante de Livros foi criado em Julho de 2007, e nasceu da minha vontade de partilhar as opiniões sobre o que ia lendo. Gosto de ler muitos géneros diferentes. Alguns dos favoritos são fantasia, romances históricos, policiais/thrillers e não-ficção.