Home / Questionário / Questionário (XXIV)

Questionário (XXIV)

 
Voltamos hoje à publicação dos nossos questionários (ainda faltam uns quantos) e desta vez temos aqui as respostas da Mónica, do blog Leituras & Devaneios. Um grande obrigado pela disponibilidade!

 

1 – Como surgiu a ideia de criares um blog sobre livros?
Acho que a razão principal foi mesmo gostar muito de ler e naquela altura estar desempregada. Entretanto tomei-lhe o gosto e, se no ano passado o blog esteve meio paradito devido a circunstâncias pessoais, este ano quero retomar em força. Quero partilhar as minhas opiniões acerca das obras que vou lendo e ter o feedback de outros que já lerem e, quem sabe, dar a conhecer autores que outros leitores desconhecem e que venham a ter o mesmo prazer que eu em descobri-los.

 

2 – És uma leitora rápida? Quantos livros lês, em média, por mês?
Teria uma resposta bem mais impressionante há dois anos atrás quando ainda passava mais de 1 hora por dia em transportes públicos, porque aí eram mesmo muitos (nessa altura a pilha de livros para ler nunca superou os dois volumes, excluíndo o que deixava por a leitura não me agradar especialmente). Agora limito-me a ler o mais que consigo com o pouco tempo livre que me resta. Como mudei completamente de vida durante o ano passado, acho que só este ano vou conseguir ter uma estimativa do que o que é que esta minha nova etapa me permitirá ler.

 

3 – Qual é o teu livro preferido de sempre e porquê?
Não consigo nomear um único livro. Gosto de vários dentro de estilos bem diferentes pelo que passo a nomear alguns (e de certeza que me estou a esquecer de outros):

* O Retrato de Dorian Gray, Oscar Wilde
* Os Inimigos, Máximo Gorky
* Os Maias, Eça de Queiroz
* Drácula, Bram Stocker
* As Brumas de Avalon, Marion Zimmer Bradley
* O Deus do Rio, Wilbur Smith

Gosto deste por razões tão diferentes como a profundidade das personagens e seus dilemas, a maneira como a história é contada e a história em si.

 

4 – O que te leva a identificares-te com uma personagem/história?
Já me identifiquei com Vampiros, heroínas, vítimas, monstros, em resumo, com o bom e o menos bom da história. Acho que depende das emoções que essa personagem me passe e da forma como me consigo identificar com os seus actos, pensamentos ou emoções.

 

5 – Género literário preferido e que livro recomendarias dentro do mesmo?
Como deve de dar para perceber pela lista de livros favoritos tenho gostos muito variados. Talvez se possa dizer que tenho um especial interesse em histórias com vampiros e, de momento, estou com maior queda para literatura fantástica (isto porque sou de fases).

 

6 – O que achas das adaptações cinematográficas de livros?
Resume-se tudo a uma única palavra: Detesto (excepção – O Senhor dos Anéis). Porquê? Porque estas ficam, invariavelmente e por muito boas que sejam, aquém do idealizado na minha mente, o que acho ser sentimento geral. Desvantagem de ter uma mente para lá de fantasiosa em termos gráficos e sonoros.

 

7 – Qual é a tua opinião sobre os e-books?
Tenho um grande conflito interno acerca desse assunto. Se por um lado o meu “eu” ecológico aplaude esse formato, o meu lado prático e egoísta não dispensa o prazer de folhear um livro, de sentir o seu cheiro e de o ver a embelezar as minhas estantes.

 

8 – Tens alguma ideia sobre o que deveria ser feito para aumentar os índices de leitura em Portugal?
Acho que acabarem com aquelas obras enfadonhas (com excepção para “os Maias” claro está) de leitura obrigatória seria um grande passo. Permitir uma maior variedade de escolha, aberta a quase todos os géneros seria melhor pensado. Eu que adoro ler tive uma extrema dificuldade em ler os livros de leitura obrigatória por os achar tão desinteressantes. Uns houve que foram verdadeiros martírios.
Baixar os preços dos livros ou fazerem versões mais baratas (mass market) seria uma boa medida e essencial na minha modesta opinião.

 

9 – A leitura é uma paixão que nasce connosco ou está mais dependente de factores externos (muitos livros em casa desde a infância, etc.)?
Acho que depende das duas mas, em grande parte, da predisposição que a pessoa tem pelo gosto de ler. Tenho na minha família um caso de uma prima que nasceu literalmente rodeada de livros, leram-lhe imenso quando ela era pequena e, no entanto, ela detesta ler. Nem Harry Potter, nem Crepúsculo, (ela é adolescente daí referir estas obras) nada de nada lhe interessa ou desperta o gosto pela leitura.


Sobre Célia

Tenho 37 anos e adoro ler desde que me conheço. O blogue Estante de Livros foi criado em Julho de 2007, e nasceu da minha vontade de partilhar as opiniões sobre o que ia lendo. Gosto de ler muitos géneros diferentes. Alguns dos favoritos são fantasia, romances históricos, policiais/thrillers e não-ficção.