Home / Autores / José Gil

José Gil

José Gil (Muecate, Moçambique, 1939) é um filósofo e ensaista português. Os seus trabalhos são em língua francesa e portuguesa. Estudou em França, nomeadamente com o filósofo Gilles Deleuze. Leciona filosofia na Universidade Nova de Lisboa e no Colégio International de Filosofia (Collège International de Philosophie) em Paris.
(fonte: Wikipedia)

Opiniões[catlist=194]

Bibliografia

– La Crucifiée (1983), Éditions de la Différence.
– Un’Antropologia delle Forze (1983), Einaudi
– La Corse, entre la liberté et la terreur – Étude sur la dynamique des systèmes politiques corses, Éditions de la Différence (1984)
– Métamorphoses du corps (1985), Éditions de la Différence [As Metamorfoses do corpo, 1980] – A Crucificada (1986), Relógio d’Água
– Fernando Pessoa ou a Metafisica das Sensações (1987), Relógio d’Água
– Fernando Pessoa ou la métaphysique des sensations (1988), Éditions de la Différence
– Corpo, Espaço e Poder (1988), Litoral Edições
– Cemitério dos Desejos (1990), Relógio d’Água
– Cimetière des Plaisirs (1990), Éditions de la Différence
– O Espaço Interior (1994), Editorial Presença
– Os Monstros (1994), Quetzal
– Salazar: a Retórica da Invisibilidade (1995), Relógio d’Água
– A Imagem-Nua e as Pequenas Percepções (1996), Relógio d’Água
– Metamorfoses do Corpo (1997), Relógio d’Água
– Diferença e Negação na Poesia de Farnando Pessoa (1999), Relógio d’Água
– Movimento Total – O Corpo e a Dança (2001), Relógio d’Água
– A Profundidade e a Superfície – Ensaio sobre o Principezinho de Saint-Exupéry (2003), Relógio d’Água
– Portugal, Hoje: O Medo de Existir (2004), Relógio d’Água
– Sem Título – Escritos sobre Arte e Artistas (2005), Relógio d’Água
– Ao Meio-Dia, os Pássaros (2008), Relógio d’Água
– O Imperceptível Devir da Imanência – Sobre a Filosofia de Deleuze (2008), Relógio d’Água
– Em Busca da Identidade – O Desnorte (2009), Relógio d’Água