Home / Autores / Giani Stuparich

Giani Stuparich

Giani Stuparich (1891–1961) foi um escritor italiano oriundo de Trieste. Depois de estudar brevemente na Universidade de Praga (1913), formou-se em Literatura em Florença (1913), onde se tornou amigo de Slapater e escreveu para o La Voce. Juntamente com o irmão, foi voluntário na 1.ª Guerra Mundial. Mais tarde, publicou um sóbrio diário de guerra, Guerra del ’15 (1931), e um romance baseado nas suas experiências, Ritorneranno (1941). Professor escolar durante muitos anos, opôs-se ao Fascismo e durante a 2.ª Guerra Mundial foi preso e deportado devido ao seu presumido Judaísmo. Para além das memórias auto-biográficas, notavelmente Trieste nei miei ricordi (1948), Stuparich escreveu histórias e contos, sendo um dos mais famosos A Ilha (1942), que se foca numa relação trágica entre pai e filho. Simone (1953), o seu último romance, é uma incursão muito literária na fantasia.
(adaptado de: Answers)

Bibliografia

Ano Publicação OriginalTítulo OriginalTítuloEdição PortuguesaTradutor
1925Colloqui con mio fratello
1929I Racconti
1931Guerra del'15
1932Donne nella vita di Stefano Premuda
1933La Grotta
1941Ritorneranno
1942L'IsolaA IlhaAhab (2009)Margarida Periquito
1942Pietà del Sole
1942Stagioni alla fontana
1942Notte sul porto
1942Giochi di Fisionomia
1944L'altra Riva
1946Ginestre
1948Trieste nei miei ricordi
1953Simone
1955Piccolo Cabotaggio
1955Poesie 1944-47

Última atualização: 08-02-2017