Home / 4/5 / Opinião: O Livro das Coisas Boas | Marta Spínola

Opinião: O Livro das Coisas Boas | Marta Spínola

Coisas BoasAutor: Marta Spínola
Ilustrações: Lucy Pepper
Ano de Publicação:
 2016
Editora: Arena
Páginas: 194
ISBN: 9789896651541
Origem: Recebido para crítica
Comprar aqui (link afiliado)

Sinopse: Gosta de cinema, música, de ler e passear?Tem memórias para contar? Gostava de poder abraçar todas as coisas que lhe abrem um sorriso? Neste livro vão caber todas as coisas boas que entender. Tome nota dos seus gostos, memórias e desejos, e guarde-os para sempre. Tenha tudo à mão: a receita que viu ontem na TV e vai fazer hoje, o filme que quer ver, a viagem que está a preparar. Guarde fotografias e recortes, escreva memórias, use e abuse de fita-cola, clips ou agrafes – neste livro tudo é permitido — , lembre momentos como quiser. Aqui nunca ficará sem bateria ou correrá o risco de apagar a alguma coisa sem querer.

Opinião: Num mundo em que o digital domina as nossas vidas, a necessidade de nos desligarmos é, parece-me, cada vez maior. A minha perceção pessoal é que a vontade de voltar ao papel e à escrita à mão está em crescendo, e ainda que me agradem sobremaneira as possibilidades e facilidades que os smartphones e toda a restante tecnologia me oferecem, acho que continua a existir magia nos objetos físicos e em coisas que criamos de raiz com as nossas próprias mãos.

É por isso que considero que ideias como O Livro das Coisas Boas podem trazer valor acrescentado à minha vida. Este livro é o pontapé de saída para aquilo que pode ser um projeto pessoal que consistirá numa mistura de diário, listas e scrapbook, que poderá ser mais tarde revisitado para recordar bons momentos. Porque a vida é feita de momentos de todos os tipos, mas os especiais têm o condão de nos levantar a moral ao percebermos do que somos capazes.

Eu vou começar a preencher O Livro das Coisas Boas assim que começar o novo ano, porque penso ser a altura perfeita para novas ideias, novos projetos e novas aspirações. 2016 não foi um ano que recordarei para sempre, por diversos motivos, por isso tenho vários objetivos para o ano que se avizinha e quero que este livro me acompanhe e me ajude a perceber que sou capaz. 

Como objeto físico, este livro é muito agradável, com bonitas ilustrações, bastante espaço para escrever e até “bolsas de recordações” para podermos guardar bilhetes e recortes, entre outras coisas. Caso ainda tenham presentes por comprar, acho que está aqui uma boa ideia.

Classificação: 4/5 – Gostei Bastante


Sobre Célia

Tenho 37 anos e adoro ler desde que me conheço. O blogue Estante de Livros foi criado em Julho de 2007, e nasceu da minha vontade de partilhar as opiniões sobre o que ia lendo. Gosto de ler muitos géneros diferentes. Alguns dos favoritos são fantasia, romances históricos, policiais/thrillers e não-ficção.