Home / 4/5 / Um Ano e um Dia na Velha Theradane | Scott Lynch

Um Ano e um Dia na Velha Theradane | Scott Lynch

Historias_de_Aventureiros_Patifes_novo

Li As Mentiras de Locke Lamora há uns anos e, sem ter sido propriamente um livro favorito, achei-o bem escrito e com um humor bastante refinado. Desde então, Scott Lynch não voltou a fazer parte das minhas leituras, por isso tinha alguma curiosidade para ver o que me reservava Um Ano e um Dia na Velha Theradane, um conto decorre num mundo imaginário, mas não no mesmo de Locke Lamora. 

A história começa com o reencontro anual de um grupo de antigos ladrões, anteriormente liderado por Amarelle Parathis, num bar construído no esqueleto de um dragão. Enquanto isso, os feiticeiros de Theradane digladiam-se em jogos de poder e os feitiços acabam por estragar a reunião dos velhos amigos. Amarelle, já com álcool a mais no sangue (ou deveria dizer-se sangue no álcool?), procura uma das mais poderosas feiticeiras do reino para um ajuste de contas. Mas a coisa corre mal, e acaba por ver-se obrigada a roubar uma rua para poder sair ilesa.

Gostei muito de todo este conto. Desde a construção do mundo, cujos detalhes o autor consegue entrelaçar na história sem parecer demasiado óbvio, às personagens tridimensionais e ao humor bem doseado, este conto foi muito interessante de ler e, no final, fiquei com a certeza que leria um livro com estas personagens como protagonistas. Até agora, foi a minha história favorita do livro.

Classificação: 4/5 – Gostei Bastante

[Post geral sobre a coletânea]


Sobre Célia

Tenho 37 anos e adoro ler desde que me conheço. O blogue Estante de Livros foi criado em Julho de 2007, e nasceu da minha vontade de partilhar as opiniões sobre o que ia lendo. Gosto de ler muitos géneros diferentes. Alguns dos favoritos são fantasia, romances históricos, policiais/thrillers e não-ficção.