Home / 4/5 / [Opinião] Wayward Pines – Caos, de Blake Crouch

[Opinião] Wayward Pines – Caos, de Blake Crouch

25901278Autor: Blake Crouch
Título Original:
The Last Town (2014)
Série: Wayward Pines #3
Editora: Suma de Letras
Páginas: 352
ISBN: 9789898775559
Tradutores: Isabel Veríssimo
Origem: Recebido para crítica

Sinopse: Passaram três semanas desde que Ethan Burke chegou a Wayward Pines. Os residentes desta cidade não comandam as suas vidas. Mas Ethan descobriu o surpreendente segredo do que existe além da cerca eletrificada que rodeia Wayward Pines e que a protege do assustador mundo exterior. O último volume da trilogia Wayward Pines – agora também série de sucesso na Fox – vai mantê-lo preso até à última página.

Opinião: Depois do final frenético do segundo volume desta trilogia, é indipensável ter o terceiro volume logo à mão, tal é a vontade de saber que final reserva Blake Crouch para esta história. A vedação eletrificada que rodeia Wayward Pines foi desligada, e a sua população está à mercê de todos os perigos que vêm de fora. Por isso, o caos instala-se e Ethan Burke torna-se o líder natural da resistência/sobrevivência.

Wayward Pines – Caos é um livro trepidante, cheio de ação e de constante sobressalto. Os dois volumes anteriores foram leituras viciantes, mas este terceiro é ainda mais difícil de largar. O caos está instalado em Wayward Pines e todo o projeto criado para a cidade está em causa: Ethan, a sua família e amigos tentam a sobrevivência a curto prazo, mas o xerife não consegue deixar de pensar no futuro das pessoas que conseguirão ultrapassar as dificuldades. As notícias trazidas do exterior, por alguém que fez parte da vida passada de Ethan e da sua esposa, também não são animadoras. A nível do desenvolvimento das personagens, o autor tenta dar alguma emoção à sua vida pessoal através da introdução de um triângulo amoroso, mas quanto a mim este acabou por parecer algo forçado, não trazendo grande acréscimo à história, de um modo geral.

O que me deixou mais surpreendida foi mesmo o final; com o curto epílogo, de apenas uma frase, fiquei com os cabelos em pé e a pensar “mas isto acaba assim?!“, no bom sentido da questão. Blake Crouch afirma no seu site que, em princípio, não haverá continuação desta trilogia, mas o epílogo deixa certamente muito à imaginação. A história tem uma conclusão satisfatória, mas é impossível não ficar curioso quanto ao destino dos habitantes de Wayward Pines.

No final de contas, gostei muito desta trilogia. Sem ser algo literariamente brilhante (e não o querendo ser, quanto a mim), são livros com ideias-base muito interessantes, que exploram possibilidades científicas intrigantes e que, acima de tudo entretêm e divertem. Agora espero ver a série televisiva em breve. Recomendado!

Classificação: 4/5 – Gostei Bastante


Sobre Célia

Tenho 37 anos e adoro ler desde que me conheço. O blogue Estante de Livros foi criado em Julho de 2007, e nasceu da minha vontade de partilhar as opiniões sobre o que ia lendo. Gosto de ler muitos géneros diferentes. Alguns dos favoritos são fantasia, romances históricos, policiais/thrillers e não-ficção.