Home / 3/5 / [Opinião] The Legend of Sleepy Hollow, de Washington Irving

[Opinião] The Legend of Sleepy Hollow, de Washington Irving

6262231Autor: Washington Irving
Ano de Publicação: 1820
Páginas: 73
Origem: Gratuito online

Sinopse: “The Legend of Sleepy Hollow” is among the earliest examples of American fiction still read today. The story is set circa 1790 in the Dutch settlement of Tarry Town (based on Tarrytown, New York), in a secluded glen called Sleepy Hollow. It tells the story of Ichabod Crane, who is a lean, lanky, and extremely superstitious schoolmaster from Connecticut, who competes with Abraham “Brom Bones” Van Brunt, the town rowdy, for the hand of 18-year-old Katrina Van Tassel, the daughter and sole child of a wealthy farmer, Baltus Van Tassel. As Crane leaves a party he attended at the Van Tassel home on an autumn night, he is pursued by the Headless Horseman, who is supposedly the ghost of a Hessian trooper who had his head shot off by a stray cannonball during “some nameless battle” of the American Revolutionary War, and who “rides forth to the scene of battle in nightly quest of his head”.
 

Opinião: Ultimamente tenho acompanhado poucas séries, mas uma que decidi começar a ver e me captou o interesse foi Sleepy Hollow, da FOX. Comecei a ver sabendo pouco da história e sem ter visto o filme de 1999 com Johnny Depp, mas fiquei agarrada a esta série com elementos sobrenaturais e policiais e também não demorei muito a descobrir que se baseava num conto clássico de Washington Irving, que decidi ler.

Sleepy Hollow, o local onde decorre o enredo deste conto, é uma localidade onde, no final do século XVIII, as lendas fantásticas têm especial aceitação e uma delas é a preferida: a de um cavaleiro sem cabeça que vagueia de noite à procura de sua cabeça, de quem se diz ter sido um guerreiro hessiano que lutou numa das batalhas da Guerra da Independência dos Estados Unidos. Ichabod Crane, o protagonista, é um professor que chega à localidade para ensinar e que se enamora da filha única de um rico senhor local, mas tem de lidar com um outro pretendente à mão de Katrina. Um encontro de Ichabod com o cavaleiro sem cabeça dá o mote para o desenlace desta história.

O que mais gostei neste conto foi sem dúvida a magnífica prosa. As descrições dos ambientes, das pessoas e das suas motivações são um prazer de ler. A história é que me pareceu demasiado curta: quando finalmente a coisa começou a ficar interessante a nível de enredo, termina, deixando o final aberto a interpretações. Ainda assim, valeu a pena e fico com vontade de ler mais coisas deste autor clássico.

Classificação: 3/5 – Gostei


Sobre Célia

Tenho 36 anos e adoro ler desde que me conheço. O blogue Estante de Livros foi criado em Julho de 2007, e nasceu da minha vontade de partilhar as opiniões sobre o que ia lendo. Gosto de ler muitos géneros diferentes. Alguns dos favoritos são fantasia, romances históricos, policiais/thrillers e não-ficção.