Home / 3/5 / [Opinião] As Investigações de Poirot, de Agatha Christie

[Opinião] As Investigações de Poirot, de Agatha Christie

Autor: Agatha Christie
Título Original: Poirot Investigates (1924)
Editora: RBA Coleccionables
Páginas: 178
ISBN: 9788447359134
Tradutor: Isabel Alves
Origem: Comprado

Sinopse: A grande capacidade de Poirot para resolver os casos mais difíceis fez dele o detective preferido da sociedade inglesa do início do século XX. A esta época pertencem as presentes narrativas, que se iniciam com A Aventura de «A Estrela Ocidental» e incluem também A Aventura do Túmulo Egípcio, nas quais Poirot investiga as misteriosas mortes que se seguiram à abertura do túmulo do reu Men-her-Ra.

Opinião: A vontade que tinha em voltar a pegar em algo da Agatha Christie aliada a querer ler algo rápido levou-me a escolher este As Investigações de Poirot, que é um pouco diferente dos livros que incluem o famoso detective belga, na medida em que aqui nos deparamos com onze contos, em que um crime/mistério é relatado e resolvido em cerca de 15 páginas.

Contadas na primeira pessoa pelo amigo de Poirot, Arthur Hastings, estas histórias apresentam a já conhecida capacidade de Agatha Christie para nos cativar com as suas narrativas simples que incluem mistérios resolvidos de forma ímpar pelas célulazinhas cinzentas de Poirot. Gostei de todas as histórias e não destacaria nenhuma em particular, mas não posso deixar de referir que se em algumas a extensão da história parece adequada, noutras fica a sensação que a mistério é resolvido de uma forma demasiado rápida e que mais poderia ter sido dito.

Uma leitura agradável, apesar de me parecer que não é completamente indispensável na obra da Rainha do Crime

Classificação: 3/5 – Gostei

Livro n.º 89 de 2010

 


Sobre Célia

Tenho 36 anos e adoro ler desde que me conheço. O blogue Estante de Livros foi criado em Julho de 2007, e nasceu da minha vontade de partilhar as opiniões sobre o que ia lendo. Gosto de ler muitos géneros diferentes. Alguns dos favoritos são fantasia, romances históricos, policiais/thrillers e não-ficção.