Home / 8/10 / [Opinião] Contos, de Eça de Queiroz

[Opinião] Contos, de Eça de Queiroz

Autor: Eça de Queiroz
Ano de Publicação: 1902
Editora: Livros do Brasil
Páginas: 269
Origem: Empréstimo
 
Opinião: A segunda leitura conjunta que fizemos no nosso fórum levou-me à primeira leitura do ano da autoria de um escritor português. E que melhor opção do que o genial Eça de Queiroz?

Contos é uma obra póstuma, datada de 1902, que agrega 13 contos (12 na realidade, uma vez que “Outro Amável Milagre” é a versão condensada de “O Suave Milagre”), vários deles publicados em jornais ou revistas.

Os contos presentes neste livro abordam inúmeras temáticas e possuem estilos diversos, mas as imagens de marca de Eça estão quase sempre presentes: a prosa descritiva, a crítica à sociedade, a desilusão do amor e a religião. Vários contos têm também um tom levemente humorístico, que os tornam absolutamente deliciosos. Outra grande mais-valia deste livro é precisamente a diversidade: contos mais curtos ou mais longos, finais felizes e finais infelizes, crítica à religião e ênfase na pureza dos sentimentos cristãos. Apesar disso, os sentimentos humanos e a dor estão invariavalemente presentes. No conto “O Defunto”, temos mesmo uma “piscadela” a alguns elementos de terror.

Gostei da grande maioria dos contos, mas o meu preferido foi “A Civilização”, a história de um homem que, apesar de rodeado pelo último grito das tecnologias, apenas consegue encontrar a sua felicidade no campo, no meio da natureza. Este conto foi a génese do que mais tarde se tornou no livro “A Cidade e as Serras”.

Mais uma vez, foi muito gratificante a experiência da leitura conjunta. Permitiu-me analisar os contos de uma forma mais crítica, bem como o desvendar do objectivo a que Eça se propôs quando escreveu cada um deles. Para além disso, a leitura deste livro teve o condão de me despertar a vontade de ler (ou reler) mais livros do Eça, sem dúvida um dos maiores escritores que o nosso país já conheceu. 

Classificação: 8/10 – Muito Bom


Sobre Célia

Tenho 35 anos e adoro ler desde que me conheço. O blogue Estante de Livros foi criado em Julho de 2007, e nasceu da minha vontade de partilhar as opiniões sobre o que ia lendo. Gosto de ler muitos géneros diferentes. Alguns dos favoritos são fantasia, romances históricos, policiais/thrillers e não-ficção.