Home / Opiniões / O Regresso do Rei

O Regresso do Rei

Cheguei, na sexta-feira, ao final da saga do Senhor dos Anéis. Sinceramente, não tenho palavras para descrever o quanto gostei da trilogia. Mais uma vez, o autor conquistou a minha atenção com os sucessivos acontecimentos que preparou. Gostei tanto que está a ser difícil pegar noutro livro… Ainda me pergunto como esperei tanto tempo para ler esta obra…
Neste derradeiro volume, mais uma vez há uma divisão da história, embora não como no segundo livro. É interessante ver como, na primeira parte, J.R.R. Tolkien soube contar o mesmo acontecimento através da perspectiva de várias personagens. De forma interessante, vamos apreendendo pequenos detalhes da história que nos levam a criar um cenário mágico. Na segunda parte (que, no entanto, não é bem segunda parte, porque as personagens da primeira parte se reúnem depois com os da segunda), voltamos aos protagonistas Frodo e Sam. É bom reencontrá-los na fase final da sua missão e, inevitavelmente, ao longo do seu percurso, desejamos dar-lhes uma mãozinha. Mais uma vez, a importância de Sam é reforçada, tornando-se bravo num reino de cruéis e horrendos inimigos.
No final…. Bom, o final é simplesmente lindo. O reencontro dos elementos da Irmandade, o romance de quatro das personagens, o renascer dos dias, a construção de um novo Mundo com elfos, anões, hobbits, feiticeiros, homens e ents reunidos e o regresso ao ponto de partida, o pacato Shire. Ao cair do pano, Tolkien ainda nos conseguiu surpreender com o final de Frodo… Leiam! – Cristina


Sobre Célia

Tenho 36 anos e adoro ler desde que me conheço. O blogue Estante de Livros foi criado em Julho de 2007, e nasceu da minha vontade de partilhar as opiniões sobre o que ia lendo. Gosto de ler muitos géneros diferentes. Alguns dos favoritos são fantasia, romances históricos, policiais/thrillers e não-ficção.