Home / Célia / O Vento Assobiando nas Gruas

O Vento Assobiando nas Gruas

“Naquele momento, o bar podia levantar-se sobre as próprias canas, deslocar-se durante um quarto hora e voltar ao mesmo lugar com eles lá dentro. Pousar devagar. As aves podiam partir levando no bico a ponta das ondas.”
A história deste livro é a de Milene, uma jovem com uma visão muito peculiar do mundo. A morte da sua avó desencadeia uma série de acontecimentos que irão mudar a sua vida, envolvendo não só os seus familiares mas também uma família de cabo-verdianos que vivem na velha fábrica que pertencia à sua avó.

Existem várias coisas que nos levam a pegar num livro, comprá-lo e começar a lê-lo. Neste caso, confesso que o que me chamou a atenção foi o título. Acho delicioso, O Vento Assobiando nas Gruas.

Raramente um livro originou tamanha ambiguidade no que respeita à minha opinião final. E isto não aconteceu só quando terminei o livro, mas também enquanto o estava a ler. Lídia Jorge não tem uma escrita fácil…pelo menos não neste livro, que foi o único dela que li até à data. O início é algo confuso e a história não desenvolve, o que pode originar algumas desistências dos menos pacientes. É necessária concentração total de modo a absorver cada pormenor e cada pequeno acontecimento. Várias vezes dei por mim a avançar com a leitura, não porque não conseguia parar de ler, mas porque queria acabar o livro depressa. Várias vezes dei por mim a contar as páginas que ainda me faltavam ler ou a pensar no que iria ler a seguir. Mas também várias vezes dei por mim deliciada com determinadas frases, expressões ou então a pensar na história enquanto não a estava a ler.

Acho que este é um livro que pode, na maior parte das ocasiões, despertar sentimentos opostos nos leitores: pode haver que ame ou pode haver quem deteste. Eu fiquei no meio dos extremos. – Célia M.


Sobre Célia

Tenho 36 anos e adoro ler desde que me conheço. O blogue Estante de Livros foi criado em Julho de 2007, e nasceu da minha vontade de partilhar as opiniões sobre o que ia lendo. Gosto de ler muitos géneros diferentes. Alguns dos favoritos são fantasia, romances históricos, policiais/thrillers e não-ficção.