2015 Reading Challenge

2015 Reading Challenge
Célia has read 0 books toward her goal of 100 books.
hide

Desafios 2015

Estou a Ler

Newsletter

Arquivo

Creative Commons License This blog by Estante de Livros is licensed under a Creative Commons Atribuição-Não a Obras Derivadas 2.5 Portugal License.

Visitas desde 20/07/2007

Balanço Mensal – Fevereiro 2015

Domingo, Março 1, 2015 Post por Célia

Balanço_mensal 

Leituras

Os livros lidos em fevereiro foram os seguintes: 

 

O grande destaque do mês vai, sem dúvida, para O Pintassilgo; não só porque foi o livro que me tomou mais tempo mas também porque foi o meu preferido do mês. Mas tenho também de destacar O Talentoso Mr. Ripley, que me deixou a pensar na história mesmo dias depois de ter terminado o livro. As leituras mais fracas do mês foram A MalincheMar das Especiarias e O Amante, três livros acerca dos quais não tinha grandes expectativas, o que infelizmente se confirmou. Para além dos livros acima, comecei também a ler a série de BD Saga, de Brian K. Vaughan, com ilustrações de Fiona Staples. Conto escrever opinião em breve, mas para já adianto que gostei bastante e pretendo continuar a ler a série. Vamos aos números: 

 

Livros lidos em 2015: 19
Total de páginas lidas no mês (sem contos/BD):
 3.423
Total de páginas lidas em 2015: 7.030
Média de páginas por livro em 2015: 370
Média de páginas lidas por dia em 2015: 119

 

Aquisições/Empréstimos

Nada a apontar este mês.

 

Desafios

Monthly Key Word: A palavra escolhida em fevereiro foi Water e a respetiva leitura Mar das Especiarias – A Viagem de um Português pela Indonésia, de Joaquim Magalhães de Castro. 
Mount TBRLer 60 livros da pilha ao longo do ano significa uma média de 5 livros por mês. Em dois meses, já lá vão 17 livros, o que é extremamente positivo.
Ler 100 livros em 2015: Já vou com 19 livros até agora, portanto dentro da média esperada. 
Autores Portugueses: Propus-me a ler, pelo menos, um livro por mês de um autor português. Em fevereiro consegui fazê-lo, apesar de o livro em causa não me ter deslumbrado.

 

Mais no Blogue

Em fevereiro, falei de destralhar livros, comentei o filme The Theory of Everything (adaptado do livro “Viagem ao Infinito”, de Jane Hawking) e listei alguns dos problemas literários que me assolam. Para além disso, adotei uma técnica nova por aqui para comentar contos em coletâneas, fazendo-o individualmente, o que foi mantendo o blogue atualizado com mais frequência.

 

Outras Leituras

  • Uma das grandes notícias do mês é que Harper Lee, de 88 anos, irá publicar em julho deste ano a sequela de To Kill a Mockinbird, o seu único e icónico livro. Go Set a Watchman, assim é o título do novo livro, terá sido escrito antes do livro que a tornou famosa e alegadamente esteve perdido até agora. À euforia que rodeou a notícia rapidamente se seguiram dúvidas acerca do timing da publicação e dos interesses que poderão estar por detrás;
  • Um dos artigos mais polémicos do mês saiu no Observador, e destaca a queda nas vendas dos livros de António Lobo Antunes;
  • O escritor sul-africano André Brink faleceu em fevereiro, aos 79 anos. Podem ver a sua bibliogrfia aqui;
  • A publicação dos diários completos de Franz Kafka são o pretexto para este artigo sobre o escritor;
  • O Mestre e a Margarita, de Mikaíl Bulgákov, tem nova tradução para português. Este artigo fala sobre a obra e sobre esta nova tradução;
  • O regresso da Livros do Brasil está para breve. Aqui o editor Manuel Alberto Valente responde a algumas perguntas sobre a coleção;
  • Surgiu um conto perdido de Sherlock Holmes, de Arthur Conan Doyle. Mas as dúvidas quanto à sua autenticidade não se fizeram esperar;
  • Uma entrevista interessante à escritora Rosa Montero;
  • Em agosto, vai ser publicada uma sequela à série Millenium, de Stieg Larsson, escrita por David Lagercrantz;
  • Algumas dicas para como ser mãe e leitora ao mesmo tempo;
  • Porque é que muitas pessoas têm vergonha dos seus guilty pleasures? Algumas respostas aqui;
  • 10 coisas que nunca ouviremos um amante de livros dizer;
  • Identifiquei-me bastante com este artigo sobre os motivos por que a autora gosta de ler.

 


Categorias: Balanço Mensal

Livros ao Sábado (165)

Sábado, Fevereiro 28, 2015 Post por Célia

tumblr_nhsg3xp5le1tmx9gbo1_500

Visto aqui.


Categorias: Livros ao Sábado

13581302Autor: George R.R. Martin
Título Original:
GRRM: A RRestrospective (2003)
Editora: Saída de Emergência
Páginas: 463
ISBN: 9789896374167
Tradutor: Jorge Candeias

 

Sinopse: Cerca de um século antes dos eventos narrados em A Guerra dos Tronos, um jovem escudeiro parte em busca de fama e glória num dos mais famosos torneios de Westeros. Mas o destino prega-lhe uma partida e coloca-o no caminho de um rapaz misterioso que irá mudar a sua vida para sempre. A não perder para os fãs da melhor série de fantasia da atualidade. O Cavaleiro de Westeros abre esta colectânea com os melhores contos de George R. R. Martin. Nela encontrarão também uma cidade dominada por uma elite de lobisomens, onde ocorrem horrendos acontecimentos; um magnata excêntrico com gosto por espécies exóticas que vai ser confrontado com o que não esperava; um padre em crise de fé num mundo distante; uma mulher que vasculha universos em busca do amor perdido; ou um homem que se vê confrontado com a derradeira escolha, num mundo em que o fim da vida não equivale necessariamente à morte. Dez histórias nascidas da imaginação do criador de As Crónicas de Gelo e Fogo.

 

Opinião: A primeira coletânea de contos de George R.R. Martin que li foi O Dragão do Inverno & Outras Histórias, curiosamente a segunda a ser publicada por cá (a minha opinião sobre os contos, em duas partes, pode ser lida aqui e aqui). Na altura gostei de alguns contos, de outros nem tanto assim, por isso apesar de ter gostado, de um modo geral, fiquei na expectativa para saber qual a opinião final em relação a O Cavaleiro de Westeros & Outras Histórias. Fui comentando os contos um a um, e podem ver o resultado nos links seguintes:

 

 

Como podem ver pelas classificações acima, não gostei de todas as histórias na mesma medida: o meu favorito foi, sem dúvida, Reis-de-Areia, seguido de perto por O Homem em Forma de Pera e Negócios de Peles; os que gostei menos foram Flormordentes e Sob Cerco. Apesar de algumas das histórias me terem agradado menos, considero que está mais equilibrado em termos de qualidade do que a outra coletânea do autor publicada em Portugal.

 

À semelhança do que já tinha referido em relação a O Dragão do Inverno & Outras Histórias, também aqui acho que o título e capa do livro induzem o leitor em erro, porque na verdade O Cavaleiro de Westeros é mesmo a única história com ligação à conhecida saga do autor, sendo a maioria das histórias dentro do género da ficção científica e do horror. Entendo a opção da editora, no sentido de chamar a atenção para o livro e agarrar fãs do autor, mas ainda assim acho que dá uma ideia do livro que não é a verdadeira. As introduções aos contos são uma grande mais-valia, em que o autor explica a origem das histórias e ajuda o leitor a perceber um pouco do seu objetivo ao escrevê-las. Em algumas delas inclui mesmo um pouco da história da sua vida pessoal, que naturalmente se entrelaça com a sua vida de escritor.

 

Enquanto estava a ler as várias histórias deste livro, dei por mim a refletir sobre a versatilidade de George R.R. Martin: acho que ele consegue escrever bem nos diversos géneros da ficção especulativa, seja em histórias curtas ou longas. Aliás, dei por mim a pensar que as suas características como escritor se adaptam melhor a narrativas mais curtas, e que perante empreendimentos como As Crónicas de Gelo e Fogo por vezes acaba por se perder no meio da vastidão da história. A conclusão é que aconselho vivamente a leitura desta coletânea para conhecerem esta sua faceta: vale bem a pena.

 

Classificação: 4/5 – Gostei Bastante


Capas Semelhantes (22)

Quinta-feira, Fevereiro 26, 2015 Post por Célia
Categorias: Capas Semelhantes

[Opinião] Negócios de Peles, de George R.R. Martin

Quarta-feira, Fevereiro 25, 2015 Post por Célia

13581302

Negócios de Peles (The Skin Trade) – Com mais de 80 páginas, Negócios de Peles é a história mais comprida desta coletânea, e certamente uma das melhores. Willie Flambeaux é um lobisomem asmático e com outros problemas de saúde, com uma amizade de anos com a detetive privada Randi Wade. Quando uma amiga de Willie é encontrada morta, em condições muito estranhas, Willie procura Randi para a ajudar a perceber o que aconteceu, num caso que vai trazer à detetive recordações da enigmática morte do seu pai, enquanto investigava um caso na polícia.

 

Negócios de Peles é uma história com elementos de paranormal, horror e policial, servidos com a habitual mestria de George R.R. Martin. Começando pelas personagens, as principais são daquelas que se apresentam com várias dimensões, com dilemas do passado que as ajudam a tornar-se mais reais. Depois, o autor revela mais uma vez a capacidade que tem de escrever uma história bem escrita, bem construída e interessante, em que o leitor sente sempre vontade de avançar e perceber o que vai acontecer. Eu gostei bastante, e fiquei com imensa vontade de ler mais sobre esta dupla (o que sinceramente me parece pouco provável, mas não custa sonhar).

 

Classificação: 4/5 – Gostei Bastante

 

 

Outros contos nesta coletânea:

 

Post geral sobre a coletânea: